Uma incrível e surpreendente história real, sobre acaso, destino e coincidência. Claudia Hackbart narra a história de sua vida de um jeito envolvente e cativante. Teve horas que tive vontade de bater nela, e no Leonardo! E outras que queria abraçá-la e dizer tudo vai ficar bem. Super me identifiquei com o livro, pois eu acredito que nada nessa vida acontece em vão, e o livro acompanha o mesmo pensamento.

“Eu sempre imagino como estaria a minha vida se tivesse feito outras escolhas, optado por outros caminhos, aceitado certos conselhos, feito outros amigos, encontrado outros amores”

É, o livro vai te fazer pensar exatamente isso! Mas vamos logo contar do que se trata “e se o destino soprar”. Começamos já com tristezas, Claudia, ou Lovinha como seu pai a chamava, e seu irmão pequeno Zezinho, estavam enfrentando a separação de seus pais, e uma mudança de cidade. Só que a separação não foi das mais amigáveis, já que o pai proibia a mãe de ver as crianças. Foi um longe caminho até que mãe e filhos pudessem ficar juntos novamente, e quando isso acontece, vemos como o destino é safadinho, por pouco os três não morrem, quando ocorre um vazamento de gás no apartamento. Os três desmaiam, e nesse exato momento um vizinho subia pelas escadas e percebeu que tinha algo errado. E depois acabou virando o namorado da mamãe. Destino? Acaso? Coincidência?

“É sempre melhor tentar, ainda que em vão, do que ficar esperando para ver se as coisas vão acontecer”

E é em uma das suas visitas na casa de sua mãe, que seu primo Lucas, leva um querido e maravilhoso amigo, Leonardo. O encantado. Logo de cara rola uma química entre os dois, Leonardo a convida para uma festa, e lá ela dá de cara com ele e sua namorada. Ele pede para falar com ela a sós sobre a janela em poucos minutos, e Lovinha ficou esperando e nada. Quando ela volta para a cidade onde morava com seu pai, conformada com o rumo que as coisas tomaram, Leonardo telefona para sua casa. E ai começa o amor, mas um amor muito, muito complicado. Os dois não moravam na mesma cidade, e manter um relacionamento a distância não era nada fácil, mas os dois tentavam… Até que ele mudou de estado e tudo piorou. Sem contar que Lucas, o primo de Claudia, por algum motivo nunca repassava seus recados para Leonardo e pior ainda, fazia de tudo para atrapalhar o casal.

“Uma vez ouvi uma frase muito inteligente, mas que no momento não entendi a grandeza de seu significado: “A vida não tem controle remoto, às vezes, você precisa levantar e mudar!””

Com o passar das páginas você vai percebendo como o destino trabalhou na vida do casal, ao mesmo tempo todas as dificuldades os separavam, mas o destino dava um jeito de fazer o caminho dos dois se cruzarem. E não apenas com o casal, mas em muitas outras situações que vão te comover, você poderá ver como o destino age. Cada palavra vai te prender e te conectar a história, e te transportar para um mundo de “e se”… E se eu tivesse escolhido por outro caminho, o que teria acontecido?

“O amor é maquiado, mas anestésico; suntuoso, mas comezinho; forte, mas frágil. Ora nos enche o coração de alegria, ora nos aflige.”

Você encontra Se o destino soprar em diversas livrarias, mas pode comprar direto com autora para vir autografado e cheio de carinho. Permita o destino soprar ao seu favor.

Assista a resenha no canal.

Compre agora: SaraivaAmazon

Contato com a autora: lovinhabart@gmail.com

Página Canal Blog

Escrito por Letícia de Pinho da Silva
Sou escritora de alma e coração. Tenho 22 anos, e muita vontade de cursar letras. Tenho o canal e blog, Mundo de Fantasias, e possuo um sério problema: amo séries, livros e filmes mais do que o normal.